• Início
  • Pop
  • #1 LIVRO LGBT DA SEMANA: O LIVRO DAS COISAS QUE NUNCA ACONTECERAM

A leitura atual anda sendo completamente desvalorizada, com este propósito o DiarioLGBT resolveu trazer a vocês um livro LGBT por semana como indicação. Romances que fujam do óbvio, leituras que não nos tragam mais do mesmo. 

E como vocês podem ter reparado por outras indicações aqui do site, nós gostamos bastante de valorizar nossa cultura ao indicar produções nacionais, então não seria diferente com um livro LGBT.

O LIVRO DAS COISAS QUE NUNCA ACONTECERAM

Por isso, hoje trazemos a maravilhosa e fantástica indicação de um livro lançado em 2016, com nada menos que 400 páginas de muito mistério e aventuras, escrito pela maravilhosa Ana Luiza Savioli. 

livro lgbt

(Reprodução: Amazon)

Sinopse

“Eis um fato Harry Darwin deveria estar oficialmente morto. E realmente existem alguns universos e realidades aos quais ele teria mesmo se afogado naquele fatídico 8 de outubro, no lago do colégio. 

Entretanto na realidade atual ele havia sido salvo. E foi de uma maneira totalmente singular: havia sido resgatado por um total estranho, mas Harry apenas descobre o nome daquele que o salvou quando corpo é encontrado nas dependências do colégio interno.

Damon Knight é o nome do misterioso estranho que havia o salvado. E agora, colocado a ocupar o quarto que um dia foi de Damon, seu irmão mais novo, Matthew, prova que mistérios e segredos não são exclusivos de Damon, mas rondam todos os Knight.

Em uma família que é responsável por curar o tecido da realidade que habitamos e outras. Desde desfazer erros até a traçar destinos e fazer as vontades do tempo. 

Em sua agoniante ânsia de entender o dia de sua quase morte, Harry acaba por envolver-se no mistério do fim de toda a existência que conhecia. O mistério do fim do tempo.”

O que temos a falar sobre este livro LGBT

Eis um fato para você, querido leitor. A redatora que vos fala é fascinada no incrível mundo literário que nos cerca. Então sim, tenho muito a falar sobre esta pequena maravilha nacional.

Este romance LGBT, O Livro das Coisas que Nunca Aconteceram – Uma viagem no tempo com Harry Darwin, conta sobre a vida de um jovem inglês, o Harry. Qual é salvo de um afogamento por um completo desconhecido. Como já havíamos citado na sinopse.

Mas a história não é somente isso, ela não para por aí. Afinal, o problema neste livro lgbt é que o garoto aparece morto no pátio do colégio interno ao qual Harry estuda como bolsista. Isso tudo já é uma trama suficiente para nos imergir na leitura, certo?

Pois melhora. já que logo de cara Harry acaba por descobrir o nome do garoto, Damon, e que o motivo de sua morte não foi nada menos que… bom, você terá que ler para descobrir como que Damon morreu. Mas está escrito logo nas primeiras páginas, eu juro.

E isso tudo é apenas uma ideia inicial da história, sua premissa. Um livro lgbt completamente escrito, cheio de reviravoltas, detalhes, muitas explicações e um mundo único. Construído de forma linda e bem pensada.

O início deste livro LGBT, como quase todo início de livro, é um pouco mais superficial e distante. Fazendo com que nos demoremos um pouco a conseguir nos conectar com os personagens. Ou pelo menos esta foi a minha impressão sobre o início. Pode ser que sua leitura seja diferente.

Já que com o passar da leitura começamos a nos imergir cada vez mais, a nos conectar cada vez mais com os personagens deste fantástico livro LGBT que não é apenas ficção científica. Este livro LGBT é amor, amor puro e unicamente.

Ana Luiza tem uma escrita simplesmente gostosa e completamente fluida, que nos faz imergir cada vez mais conforme as linhas passam. Ela nos incita, incita nossa curiosidade pelos mistérios que cria, consegue nos causar aquele desconforto do “e agora?”

São 400 páginas deste livro LGBT que nós nem vimos passar, conforme vamos lendo e lendo. E quando terminamos, nossa. Os personagens são tão cuidadosamente trabalhados com o progredir das páginas, fazendo com que o leitor se aproxima sutilmente.

É uma história com poucos ou quase nenhum ponto fraco, na minha opinião. Por mais complexo e confuso que o livro seja, a história vai se desenrolando e se explicando conforme as páginas passam e quando nos aproximamos do fim sentimos a dor.

É um livro intenso, emocionante, cheio de plots-twist e que nos engole. Ele nos faz sofrer juntamente aos personagens e nos embala, nos faz refletir. A trama é exigente em relação a nossa atenção, mas ela não deixa a desejar. Ela nos toca como muitos livros apenas tentam tocar.

Em toda sua complexidade eu diria e digo com toda certeza do mundo, é uma história perfeita. Que merece sim ser lida e exaltada. Uma história completa, que nada falta. Tem tudo que procuramos em livros tanto nacionais quanto internacionais.

E a escritora, Ana Luiza Savioli, merece muito reconhecimento por seu talento e habilidade com as palavras. Uma autora nacional começando agora no ramo, e já em seu segundo livro consegue nos mostrar muito potencial. Merecedora de muito mais reconhecimento e avaliações positivas.

Em resumo

Em resumo, este livro LGBT é mais que um clichê, muito mais. Mais que sua sinopse. Um livro pensado em cada detalhe, escrito de forma única e pitoresca. Nos eleva como leitores, a sentimentos e situações que temos que encarar de frente junto com o personagem.

Mistérios que nos fazem pensar em como o personagem irá resolver aquilo, ou pensar no que está acontecendo de fato naquela situação que ali nos é apresentada.

Nada é o que é neste livro LGBT, tudo sempre é mais ou é outra coisa. Tudo sempre vai além, a leitura te puxa e faz com que o tempo ao seu redor voe, com que você se perca diante as páginas que está lendo. Um nacional que consegue se sair muito superior a diversos livros gringos.

Uma autora iniciante que nos cativa tanto quanto autores profissionais altamente reconhecidos e aclamados. Essa autora também deve ser aclamada, estes personagens também devem ser aclamados.

Harry com toda sua ânsia de descobrir o que de fato aconteceu no dia de sua não morte, de consertar as situações à sua volta, o mundo à sua volta. De resolver os problemas de outrem. Sua angústia de descobrir quem era Damon e o que cerca a família Knight.

Damon com sua angústia de ser, com seus impulsos que nos levam a entender suas atitudes tomadas. Que nos apresenta sua cativante personalidade e nos leva ao seu triste universo. E até mesmo Matthew que nos mostra a dinâmica dos problemas que cercam sua família.

O que leva a família Knight a ser tão envolta por tantos problemas e mistérios que ninguém pode nos responder? Ana Luiza Savioli consegue nos responder isso de forma sutil e magnífica. Uma verdadeira obra de arte literária a qual todos deveriam dar uma chance

Enfim, o fim

Como falamos muito por aqui, enfim, o fim. Se você se interessou pela sinopse e nossa opinião a respeito deste maravilhoso primeiro livro LGBT indicado pelo DiarioLGBT e gostaria de ler, gostaríamos de lhe informar que ele se encontra disponível em alguns canais de venda.Algumas conhecidas por suas vendas de livros, como Amazon, Americanas e Submarino pelo valor em torno de R$ 35,00 a R$ 40,00.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diário LGBT - O Diário Oficial da
comunidade LGBT do Brasil.

© Diário LGBT. Todos os direitos reservados. Uma empresa do Grupo Mediaz.